• robinhobeer

Como montar um Keezer Primeiro passo - construção

Atualizado: 10 de Set de 2019

Detalhando o projeto básico. Com esse já conseguimos dizer que temos um keezer em casa


Estado inicial

O patinho feio virou um cisne, ou no caso, um keezer

Acima uma foto dele quando eu comprei. Deixei funcionando por alguns dias, antes de iniciar a transformação.


Passo 1


Freezer ou geladeira?

Fácil, quer montar um Keezer, é obrigatório que seja um freezer, pois se for geladeira, você montará um kegerator! K"eezer" = chopeira de fr"eezer", Kegerator = chopeira de refri"gerator" (refrigerador ou geladeira). Comprar um #freezer que funcione muito bem é importante. Irei montar um post mostrando como comprar um desses de forma segura.


Eu escolhi um horizontal de 210 litros, pela quantidade de barris que cabem nele, em torno de 6 a 8 postmixes.


Passo 2

Qual madeira? E torneiras diretamente na parede?

Na minha escolha, usei o ipê rosa, pois resiste muito bem a umidade e dura muito, mas muito tempo.


Não coloquem torneiras diretamente na parede do freezer, pois por ali passam diversos tubos responsáveis pela refrigeração. Furando um, é morte ao seu freezer! Instantaneamente!


Pode-se colocar outra madeira, desde que seja feito o tratamento adequado. Eu escolhi essa, exatamente por durar muito tempo e pelo custo, que não é tão elevado, pelo tempo que dura.


Vamos a compra, eu peguei numa madeireira, pedi para aparar (deixar plana) e para cortar nos tamanhos exatos que eu queria. Foram dois pares, duas laterais e duas para frente e trás. Sendo elas:


2 - lateral direita e esquerda 67,50cm de largura por 20,00cm de altura

2 - frontal e traseira 82,50cm de largura por 20,00cm de altura


Ambas as madeiras peguei com 4,00cm de largura.




Passo 3

Montagem, parafusos e criação da estrutura superior

Com ferramentas adequadas, fiz os furos internamente, mas não é obrigatório, pode-se fazer o aperto por fora. Faça como der, apenas tente fugir dos pregos.

Tudo apertado, ficou assim, encaixando perfeitamente. Vamos testar no freezer.

Com a tampa fechada.


Passo 4

Torneiras? Qual escolher?

Como opção para esse projeto, comprei apenas duas italianas. Isso em função de ter um custo razoável e atender muito bem o que eu precisava. Claro, não é a que foi até o fim, hoje tenho belgas, mas vamos falar isso mais pra frente.


Único ponto importante é que a rosca seja maior que a grossura da madeira, pelo menor em 2,5 cm

Vamos aos furos das torneiras e para isso, já fiz as marcações para as quatro, mesmo sabendo que iria instalar apenas 2. Fiz com 16,50 cm de distância para cada uma. Pode-se fazer com menos, mas no mínimo com 10cm, caso contrário ficaria muito, mas muito apertado.

Para furar, usem broca chata para madeira.

Com os furos já feitos, notei um dente muito grande.

Para esse consegui disfarçar usando uma tupia, que também não é obrigatório o uso. Esse erro se deu em função das dobradiças da tampa, que originalmente fica levemente recuada para dentro do freezer. Uma saida á fazer um rebaixo na madeira, onde encaixam as dobradiças, assim essa tampa virá um pouco mais para frente e tudo certo. Um erro corrigido com uma ferramenta. Quem vê atualmente, pensa que foi proposital, kkkkk


Passo 5

Controlador de temperatura dentro? Vai estragar?

Hmmmm... Não! há 1,5 ano e nem sinal sequer de umidade nessa parte. O controlador resiste muito bem até hoje, sem sinal de oxidação.


Vamos às marcações, furos e demais.

Passo 6

Pintura? Posso pintar de qualquer cor?

Decidi pintar com um verniz externo, isso pela função de ele ser mais resistente a umidade (que não apareceu até agora). De qualquer forma, passei verniz com tudo desmontado. Foram 3 demãos e somente então montei tudo e fiz as ligações.

Passo 7

Manifold, preciso mesmo?

Resposta direta. Não! Inclusive acabei conhecendo a Getel Equipamentos (www.getelequipamentos.com.br) e então conheci o famoso Dmfit. Com eles não é preciso o uso de manifold, porém ter um é bacana, pois conseguimos ligar e desligar o gás conforme queremos, porém com DmFit ficaria muito mais barato e de fácil limpeza.


Eu escolhi um manifold de 4 saídas, pois teria 4 torneiras um dia.


Para colocar as mangueiras, usei mangueiras de 8mm azuis, que futuramente troquei, também, por DmFit, que são mais higiênicas e atóxicas (pensem nisso!). Maaas como o caso é mostrar o passo a passo, aqui vai uma coisa que não sugiro que façam. Comecem com DmFit, logo de cara. Para colocar as mangueiras nesse tubo sem esforço, aqueça um copo de agua no micro-ondas, coloque a mangueira nessa água, até amolecer, então encaixe no espigão.

Passo 8

Fiz tudo isso e agora?

Agora vem a melhor parte meu amigo, só se deliciar com uma cerveja sua. Aqui está uma cream ale que havia feito. A temperatura marca um pouco alto, pois eu havia colocado o sensor entre duas latas de cervejas nessa temperatura. A Cream Ale estava em torno de 3C. Essa é uma vantagem de ter um keezer, pois a capacidade de baixar a temperatura é extremamente alta e se vc quer dar aquela "turbinada" no resfriamento, sem se preocupar com congelamento, só colocar a caixa de cerveja em temperatura ambiente, o sensor colado nelas e pedir a temperatura final que quer. Pronto!!! Não irá congelar e gelará bem rápido MESMO!



E ai? Legal né? Porém não acabou ai não. Temos o upgrade 1, onde envelopei com vinil preto. Ficou bem legal, veja aqui.




Cheers ;-)


Quer ver o vídeo de tudo isso? Vai lá.


883 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo